21 junho 2013

Falando sobre...

...Quantidade  = ou  ≠  de Qualidade


Recentemente em uma tag, eu falei que já tinha lido 58 livros esse ano. E vi que muitas pessoas se surpreenderam. A maioria dos comentários foi sobre a quantidade de livros que eu tinha lido. Em contrapartida a Olivia disse que só tinha lido uns quatro ou cinco e isso também foi motivo de espanto. E isso me fez pensar. Existe alguma relação entre a quantidade de livros que lemos e a qualidade das nossas leituras? Já vi quem lê bastante dizer que quem lê pouco não pode dizer que ama ler. E já vi também quem lê pouco dizer que quem lê muitos livros não absorve todos eles. 

Será que isso é mesmo verdade? Podemos fazer esse tipo de afirmação, baseados na quantidade de livros que uma pessoa lê? E o numero de paginas lidos, não conta? E já que estamos falando do numero de paginas e o tamanho da letra, não conta também? Posso dizer que sou "mais" leitor que fulano pois li 8 livros em um mês, mas a pessoa leu apenas um e por coincidência foi um livro de 900 paginas, enquanto eu li 8 de 100 paginas cada livro? Já li livros com 100 paginas e livros com mais de 900 e a velocidade da leitura não foi por conta das paginas, nem do tamanho do livro e sim pela história. As vezes um livro está tão chato e a leitura tão arrastada que fico uma hora para ler 20 paginas e outras vezes a história está tão interessante que no mesmo tempo leio 150 paginas sem ver.

E o tempo que eu tenho para ler, não conta também? Quando eu não trabalhava e meu único compromisso era a escola, eu lia um ou dois livros por dia. Agora 20 anos depois, consigo ler dois ou três por semana. E olha que eu não tenho nem marido e nem filhos para cuidar. Tem gente que quase não tem tempo e lê apenas um por mês. Sem falar na facilidade que uns tem em ler e outros não. Eu sou uma pessoa que lê rápido. Como leio muito rápido então vão dizer que eu não absorvo o que eu estou lendo? Pelo contrário, não só absorvo como vivo a história que estou lendo no momento.

Depois de muito pensar, cheguei a conclusão que quantidade e qualidade não tem nada a ver, quando o assunto é livros. Temos que levar em consideração, o tamanho do livro, o tempo pessoal de cada pessoa, tanto o que ela leva para ler, como o tempo disponível que ela tem para ler e também o gosto pessoal e o motivo dela estar lendo aquele livro. Quando lemos por prazer e por vontade própria, a leitura flui muito mais fácil do que quando lemos por obrigação, seja ela para fazer uma prova ou porque tenho um compromisso com alguma editora ou algum autor. Por isso, quer ler mais, leia o que você gosta de ler e quando tiver vontade. E nunca julgue uma pessoa pela quantidade de livros que ela lê.   


34 comentários:

  1. Aproveitando a onde de protesto, aí vai o meu cartaz!

    #lerporprazer kkkkkkk

    Concordo com tudo que a Silvana comentou, houve uma epoca que eu lia 2 a 3 livros mes, já hoje com outros afazeres não consigo, a não ser que o livro seja 'O livro'.

    Mas enfim, ler é prazeroso e jamais deveria ser obrigação.

    ResponderExcluir
  2. Muito legal esse assunto. Eu fui uma das pessoas que se espantou com o tanto de livros que tu já leu e o tanto que a Oli leu também.
    Concordo com o que você falou. Achei só estranho. Rsrs Não que cause um absoluto espanto, mas sei lá... kkk'
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não foi só você Gabriel, de 20 perguntas respondidas no post as pessoas só comentaram sobre essa. E não foi só aqui vi varias pessoas falando sobre isso no face.

      Excluir
  3. Nossa concordo plenamente com vc..
    é bem isso.. gente eu geralmente pego livros enormes para ler.. A viajem do tigre que estou lendo.. olha o tanto de páginas e o tamanho das letras..
    Nao gosto de pessoas que ficam se vangloriando disso.. aa eu leio mais..

    aa va..
    cada sabe onde seu sapato aperta.. vai falar com quem leu todos das cronicas de gelo e fogo. asodkasokdaso

    beijos

    Guilherme Kunz
    www.tematoa.com
    FanPage

    ResponderExcluir
  4. Oi Sil!

    Gostei muito do seu texto e concordo com ele. Quantidade não define um leitor. É preciso analisar todo um contexto. Comigo depende do mês, do trabalho, da casa. Vários fatores. Também depende de como estou para certo tipo de leitura. Às vezes quero ler algo mais complexo, outras quero apenas coisas leves e por aí vai.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi, gostei dos critérios utilizados na argumentação do seu texto. Leva o leitor a refletir e como é importante fazer isso, não é mesmo?
    Um beijinho doce no coração.
    http://marlicarmenescritora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Sabe.. Eu acredito que cada um tem seu estilo, tem seu gosto, tem seu ritmo.
    A quantidade de livros livros não indica o quanto uma pessoa é leitora ou não.
    Se você tem a oportunidade de ler, maravilhoso! Sempre que tenho um tempinho, leio. Levo o livro para a escola onde trabalho, no ônibus, na faculdade.
    Nem sempre consigo ler, mas o livro está sempre comigo. Cada tempinho vago é destinado a ele.
    As vezes fico dias sem ler pela falta de tempo, outras vezes agarro na leitura e não paro.
    É assim mesmo.
    Número não conta qualidade. Não mesmo.

    Você terminou muito bem: Leia porque gosta.
    Muitos livros me interessam, outros não - mesmo que digam que é maravilhoso.

    Ótimo post.

    Beijinhos, Lu ♥
    http://luizando.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Ameei o seu post. Gera muita discussão e eu adoro discussões, enfim!

    Acredito que não exista certos e errados, sabe?! Acho que independente da quantidade de livros que você leu, se foi por querer, com vontade.. só lhe traz benefícios!

    Outro ponto que eu defendo é de que não há leitura certa e errado, ou bom leitor e mal leitor, como vi em um post de um blog, acho que se você faz por querer, só tem benefícios!

    Beijos

    Adriano Gutemberg
    http://geracaoleiturapontocom.blogspot.com.br/ (passa lá ;D )

    ResponderExcluir
  8. Amei o post...E isso é algo quem tem discussões no meio da blogosfera. Não interessa o quantidade de livros que vc lê, pq cada pessoa tem um ritmo de leitura diferente da outra, logico que qualquer um se assusta com vc falando que já quase 60 livros nesse ano,mais se vc leu e entendeu, que se dane os outros.
    Vamos ler por prazer e esquecer os números lidos
    Um Beijo, Brubs
    Livros de Cabeceira
    @IWannaRuffles

    ResponderExcluir
  9. Adorei o post Sil,
    é bem verdade tudo o que você disse
    eu estava me sentindo uma péssima leitora por ter lido poucos
    livros nos primeiros meses do ano, mas nos últimos meses minha leitura
    disparou e não foi porque eu mudei, mas foi pelo simples fato de que
    consegui um tempinho a mais, negligenciando outras coisas menos importante
    como assistir novela por exemple :p
    Enfim o que eu quero dizer é que realmente a questão tempo afeta muito a
    leitura de quem quer que seja.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. só 58, Silvana??? tá devagar....rsrsrs....pelas minhas contas já foram 130 esse ano.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha o Jhonny por aqui hehehehe
      Não vem fazer inveja não, que eu não tenho um kindle heheheheh

      Excluir
    2. hahahhaa olha quem apareceu aqui?! e ainda causando invejinha kkk

      Excluir
  11. Isso é verdade... Quantidade de livros lidos não indica se alguém é bom leitor ou não! São vários os fatores que interferem na leitura...

    Beijos,
    http://caheoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olha, Sil. Polêmico, eu acabei de fazer um post igual no blog o.O
    São casos totalmente isolados, eu creio. Você tá na casa dos 30, não tem preocupação com filhos e tal. Agora, eu acho que tem gente sim que não entende um livro lido por ler rapido demais e se prende a coisa de: preciso ler quantidade X de livros esse ano. E fica nisso, sabe? Eu sou jovem, eu gosto de viver, não perco um sabado a noite pra ler, alias, sabado é o dia que eu menos leio... Acho que são casos particulares, mas na maioria as pessoas tem uma sede por ler mais e mais, que acabam nao saboreando a historia.
    Beijos e ótimo post.
    Descobrindolivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Adorei a discussão levantada Sil. Acho que como qualquer maníaco por algo, seja por livros, roupas, sapatos, CDs, as pessoas (não generalizando) adoram reputar-se a números, seja por satisfação própria ou por competição com alguém. Eu mesma adoraria poder bater uma meta pessoal de ler 100 livros num ano. Não sei se algum dia chego lá. Acho que esse ano já li quase 40. No meu caso não é nem pelo fato só da quantidade, mas porque cada livro que leio é uma nova história, uma nova aventura a ser vivida, e isso me encanta. Mas concordo com você, as coisas são tão relativas que não podem ser medidas de uma forma exata. Eu não gosto mais de livros do que uma pessoa que leu menos que eu esse ano justamente por tudo o que você mencionou: número de páginas, tamanho de letra, tempo livre, etc. É óbvio que quando tenho mais tempo, leio muito, mas muitas vezes um livro de 100 páginas empaca por dias porque não consigo me envolver com a história, enquanto um de 500 páginas é lido num só dia por me render por completo. A questão é, não devemos nos encanar com isso. Mas que o número chama atenção, principalmente de quem não é leitor voraz, ah isso chama! Quando digo que já li 40 livros no ano as pessoas me enxergam como um ET, do tipo "você não tem nada melhor para fazer na vida?", ou como uma completa Nerd, ou se espantam perguntando como "arranjo tempo para fazer tudo que faço". É não adianta, os bookworms nunca são vistos com certa normalidade para as pessoas "normais".. hehe Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  14. Adorei !
    Acho que quantidade não significa nada quando se ler com prazer.
    Leio muitos livros e por amar ler, absorvo todos e amo cada um..

    http://iasmincruz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Dependendo da história do livro eu leio rápido, mas quando é muito grande e a história é ruim eu leio em mais de uma semana.
    http://leituramagnifica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Silvana, muito legal o tema abordado.
    Acho que tudo depende, inclusive o que você comentou, o tempo e a velocidade. Mas o principal acho que é a intenção. Por exemplo, se eu lesse rápido eu conseguiria ler livros tipo Nicholas Spark em um dia, porque são emocionantes mas não são aqueles livros para PENSAR. Aí tem aqueles que eu prefiro ler com calma para absorver. Mas acho que a verdade é: ler todo mundo consegue, independente da velocidade; entender já são outros 500, então como disse, tudo depende da intenção, do propósito!

    ResponderExcluir
  17. Muito se fala sobre metas de leitura e quantidade de livros lidos por ano, inclusive li um texto sobre isso esses dias, mas pouco se fala sobre a qualidade dos livros.
    Nem sempre lemos um livro curtinho muito bom, o que às vezes pode acontecer num livro de 900 páginas (ou mais, ou menos), e também pode ocorrer o contrário e se for um livro muito grande e você não tiver gostando, pode demorar meses para terminar - sem exagero porque já aconteceu comigo.

    Isso sem contar que cada um tem seu tempo de leitura, alguns trabalham muito, outros trabalham e estudam, além de terem vida social, namorado/marido, às vezes filhos, e temos que levar em conta as DPL's da vida...
    No final, o importante é só ler, um livro por semana, um por mês, só não vale um por ano!

    Beijos,
    Letícia - Literature Diary

    ResponderExcluir
  18. Bom, cada um com seu cada um. No geral acho números uma bobagem. Mas fico surpreso em ler que tu não gosta de poesia e "acha" que nunca leu nada. Não devemos julgar gêneros literários também. Afinal, os livros são separados em bons e ruins. Nós usamos erroneamente a palavra "estilo". Há livros de poesias magníficos. Dê uma chance!

    Abraços
    www.importunobruno.com.br

    ResponderExcluir
  19. Penso que: se voce sabe leu todos esses 58 livros, e sabe contar a história de cada um deles , então foram leituras bem lidas ;D

    ResponderExcluir
  20. Realmente, não adianta nada ler tantos e tantos livros e não ter aquele devido prazer que temos quando lemos um livro bom, que nos prenda, que nos envolva ... que nos sequestra rs.

    David - Leitor Compulsivo

    ResponderExcluir
  21. Eu acho que não adianta vc ler milhões de livros por ano sendo que não irá conseguir explicar pra ninguém sobre o que se trata o livro. Mas uma pessoa pode muito bem ler muitos livros e ter entendido a mensagem de todos, e ter absorvido alguma coisa daquele livro.. como a que leu poucos livros pode não ter entendido nenhum que leu..

    beijos
    http://meuvicioliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Na minha opinião cada pessoa tem seu ritmo. Eu já li 41 livros esse ano, bem devagar, e estou feliz com o número. Não vou e nem quero chegar a 100, mas acho que eu ficaria descontente se tivesse lido apenas uns 10 ou 15 livros. Eu gosto de ler muitos livros, mas não chego a ler 20 em um mês como alguns blogueiros por aí. Eu tenho vários compromissos fora a escola e acho que estou me dando bem. Estou feliz assim ><

    Beijos!
    www.nathlambert.blogspot.com

    ResponderExcluir
  23. Oii!!
    Eu leio sempre os livros que posso! Claro que gostaria de ler mais! Porém me falta tempo!
    Gostei do post! :D
    Beijos

    Elidiane - Leitura entre amigas

    ResponderExcluir
  24. Fora que tem muita gente que não tem tanto tempo para ler, né?
    Eu adoraria ler mais, e quantidade não define qualidade, né?
    Beijos

    ResponderExcluir
  25. Oie Sil =)

    Bem eu acho que a quantidade de livros que uma pessoa consegue ler está mais relacionada com o tempo que ela tem para isso, qualidade da história e o ritmo em que ela compreende o que está lendo. Eu mesma no ultimo feriado li um livro por dia. Durante a semana eu leio até três, mas já passou semana que não cheguei perto de nenhum.

    Ótimo post!

    Beijos e um ótima semana;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  26. Eu sempre fico me perguntando porque leio uns três ou quatro livros por mês enquanto fulano lê dez, mas depois de um tempo eu comecei a pensar assim como você disse, cada um tem o seu tempo e a sua forma para ler, não podemos ficar fazendo comparação né. Tem mês que leio mais, outros já não leio tanto, até me importava com o tanto de livros lidos, mas como nunca cheguei a contar o tanto lido em um ano conclui que isso não é algo tão relevante! O que importa é o que aquela história passou para mim, e o prazer que a leitura me dá. Ótimo texto Sil.

    Abraços, Raquel.
    Viajando com Livros.

    ResponderExcluir
  27. Nega, você tem total razão. Nao importa a quantidade e importa se você gosta da obra e se você esta afim de ler ela. Isso sim importa!
    Beijinhos, nega!
    Jennifer
    http://queridamaiscafe.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  28. Adorei o post, este tema é muito polêmico na blogosfera, muitos acreditam que o muito ler significa muito absorver, nem sempre, mas nem nunca, cada um de nós tem um estilo de vida, muitos precisariam de 72 horas num único dia pra fazer tudo o que precisam fazer, filhos, maridos, esposas, igreja, trabalho, faculdade... Cada um sabe qual tempo livre tem, suas ocupações, e assim não importa quantos livros você tem lido, contanto que você faça com prazer e curta esse universo da leitura que é mágico. Nem sempre tenho o tempo que gostaria para ler, mas busco fazer com que cada tempo livre, seja bem aproveitado, afinal tenho um baby de 2 aninhos pra dividir o tempo, mas mesmo assim sabendo dividir o tempo e as prioridades tudo se encaixa bem, adorei os comentários e a interação do pessoal um beijo e vejo você lá na cabana. http://www.cabanadoslivros.com.br/ Kívia.

    ResponderExcluir
  29. Eu leio bastante, mas não é pra dizer que leio muito ou pra tirar onda dizendo que eu gosto de ler. Acontece que eu leio rápido demais, e sou muito desocupada, não trabalho, só estudo, e as aulas não tomam tanto meu tempo. Então leio.
    Não gosto desse negocio de falar que quem lê muito ou pouco é porque gosta mais ou gosta menos de ler. Cada pessoa tem seu próprio ritmo e dedica uma quantidade de tempo para ler.
    Não importa quantos livros, o importante é ler!

    ResponderExcluir
  30. Sil, esse negócio de números não combina com livros, rsrs. A leitura de cada um deve ser no seu ritmo e considerando todos os fatores que vc citou no post. Eu, por exemplo, trabalho, tenho marido e filho e td q isso implica, e dependendo do mês, leio até 4 livros. Tbm sou das q lê bem rápido, mas ainda gostaria de ter mais tempo para me dedicar à leitura. Enfim, o importante é gostar de ler e poder ler o q quiser, onde e como quiser.
    Bjos!

    ResponderExcluir
  31. Olá Tudo bom?!
    Passando pelo teu cantinho e adorando tudo aqui! Com certeza virei mais vezes!
    Convido você a conhecer o meu e se gostar pode seguir... hehe
    Parabéns e sucesso.
    Um super beijo e fiquem com Deus :)
    Blog atualizado toda semana:
    http://neidebraga04.blogspot.com.br/
    Fan page curta:
    http://www.facebook.com/pages/Blog-Neide-Braga/340863686015726?ref=hl
    Canal do Youtube!
    http://www.youtube.com/user/neidebragasar

    ResponderExcluir

© Blog Prefácio ♥ 2016 - Todos os direitos reservados ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo