21 abril 2017

Resenha | Sempre Haverá Você - Heather Butler


Livro: Sempre Haverá Você
Série: Não
Gênero: Drama
Autora: Heather Butler
Editora: Novo Conceito
Páginas: 256
Ano: 2017

Resenha:
Em Sempre Haverá Você vamos conhecer a história de George e de sua família. George tem dez anos e seu irmão mais novo Theo tem oito. Eles se dão super bem, George é muito protetor em relação a Theo, mas de vez em quando eles acabam brigando um pouco. Eles moram com seu pai Jack e sua mãe Vitória e ela é a pessoa que George mais ama no mundo, principalmente quando eles jogam O Jogo Da Visita, um jogo onde ele aprende um monte de palavras novas e é um jogo que só ele e sua mãe jogam. Quando George gosta muito de uma palavra ele destaca e as palavras que ele não gosta, ele encolhe. Outro morador da casa é o cachorrinho vira-lata Goffo, o fedorento e mal educado Goffo que foi adotado junto com seu irmão Ivan, mas Ivan é muito obediente, já que ele mora com seus avós e vovó mandou ele para ter aulas de adestramento.

George adora ir a escola com seu melhor amigo Dermo. Eles até usam roupas iguais sem combinar. Se não fosse por Carl Worthington, a escola seria perfeita, mas Carl é muito malvado e sempre coloca medo nas outras crianças. Ele queria brigar com Carl, mas sua mãe diz que é errado brigar, por isso ele tenta ficar quieto quando Carl começa a provocação. O que ele nem sempre consegue. E uma das suas metas esse ano é ganhar o Concurso de Talento Animal do Festival de Verão desse ano, já que no ano passado Carl ganhou e está dizendo que vai ganhar esse ano de novo. O difícil vai ser fazer Goffo aprender algum truque para participar do concurso, já que ele é muito desobediente. Só se eles comprarem ele com o petisco que ele tanto ama, as orelhas de porco, mas depois que Goffo come, ele solta muitos gases.

E de repente alguma coisa fica diferente, sua mãe começa a ter dores de cabeça o tempo todo e não busca mais George e Theo na escola. E quando eles estão em casa, ela fica deitada a maior parte do tempo. Ela brinca com George muito raramente e quando o faz, ele percebe que ela não está se esforçando. Ela também não conta mais histórias engraçadas. Então seu amigo Dermo conta que descobriu o que a mãe de George tem. Ele ouviu suas mães conversando e ela tem câncer. George fica muito chateado e começa a ter pensamentos ruins, ele acha que sua mãe estar doente é culpa dele. E ele não tem coragem de falar com nenhum adulto sobre o que descobriu. Mas ele vai fazer tudo o que estiver ao seu alcance para que sua mãe tenha momentos felizes antes de partir.


A história é narrada por George, por isso apesar do tema câncer ser bem pesado, a história é bem leve, já que vemos tudo o que acontece pelos olhos de uma criança de dez anos. Os capítulos são iniciados sempre com um Fato e são 84 fatos no total em 252 páginas, por isso os capítulos são bem curtos. E apesar de ter gostado muito da história me decepcionei um pouco com ela. São as benditas expectativas novamente. Esperava uma história que me emocionasse muito, o que não aconteceu. Achei a história mais divertida do que emocionante. A história que eu esperava ser sobre o câncer da mãe do George ficou em segundo plano e a história do cachorro teve bem mais destaque. E não foram só as expectativas, a sinopse me enganou também.

Pela sinopse tive a impressão de que eles iam inventar brincadeiras e se divertir tentando fazer a mãe do George esquecer a doença. Mas o que temos é uma narrativa das coisas erradas que o Goffo faz, e mais ou menos na metade do livro é que George descobre sobre a doença e ele acaba se fechando um pouco, porque acha que a doença é culpa dele. E a mãe pouco aparece dai em diante. Mas tirando isso, gostei da história. E achei interessante a autora abordar sobre esconder esse tipo de coisas das crianças achando que elas não vão entender o que está acontecendo. Foi bem pior eles terem escondido, porque George acabou criando uma fantasia na cabeça, achando que era culpa dele. Enfim, é um bom livro, mas leia sem muitas expectativas. Quanto a edição, está muito bonita. A diagramação é linda e dá gosto de ler e apreciar os detalhes.

Nota: 






15 comentários:

  1. Oioi!

    Eu não costumo ler livros assim haha, mas é terrivel quando criamos uma enorme expectativa em um certo livro e eles nos decepcionam! Já engoli muitos assim porque não consigo abandoná-los hehe

    Beijão,
    www.cretinaliteraria.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Sil,

    O livro tem uma história interessante, mas confesso que fiquei meio balançada se leria ele ou não.
    Acho que no momento leria outros gêneros, mas não descarto para uma leitura futura.
    Bjs e um bom fim de semana!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
  3. Olaa! Tudo bem?
    Nossa, tadinho dele.. ficar achando que foi culpa dele a mãe ter câncer.. fiquei curiosa para ler por isso, para ver como isso se sustentou na cabeça dele, mas com você dizendo que não foi tão emocionante assim e que ficou em segundo plano, não fico mais com tanta vontade de ler.. uma pena!
    Beeijo

    https://lecaferouge.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Sil!

    Li apenas um livro no ponto de vista de uma criança, ao menos atualmente só não me lembro o nome agora! Mas lembro que gostei inclusive estou procurando mais livros assim! Gostei tanto da premissa desse livro a capa é super fofa! Imagino que livro deve ser bastante triste, que pena que tem os seus defeitos! Mas faz parte ao menos você gostou.


    Beijinhos

    Resenha Atual

    ResponderExcluir
  5. Oi Sil, tudo bem?
    Quando esse livro chegou para nós de parceria ficamos bem confusas sobre ele. Não sei como me sinto a respeito. Confesso que nem sei como resenharia ele, não é algo dentro dos meus elementos...

    Att.,
    Eduarda Henker
    Queria Estar Lendo

    ResponderExcluir
  6. Oi Sil! Eu ainda nao li, mas a Ariane lá do blog amou esse livro. Vou ler sem muitas expectativas, mas parece ser fofo de todas as formas.

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante
    Sorteio A guerra que salvou a minha vida

    ResponderExcluir
  7. Oiee Silvana, tudo bom?
    Eu amo um sick-lit, adoro ler pois acredito que acabamos aprendendo muito mais com os personagens, com toda essa vibe de doença. Mas adorei saber que apesar disso o livro é leve. Vou adicionar a minha lista.

    Beijos,
    Paixão Literária

    ResponderExcluir
  8. É a primeira vez que ouço falar sobre este livro e a sinopse me ganhou. O começo da sua resenha me fez realmente criar muitas expectativas com a história, então estou com um pouco de medo de me decepcionar. Eu também tive um livro onde achei que o assunto realmente "importante" fosse ser destacado, mas acabou ficando em segundo plano, e foi muito frustante.
    Fiquei curiosa para ler porque como você disse, mesmo a doença, o câncer sendo um tema forte, ele é narrado pelos olhos de uma criança e acho isso interessante. Gosto de ter a versão de crianças dos fatos.
    Bom, fiquei curiosa com o livro, não é um livro que fiquei realmente querendo comprar neste momento, mas é um livro que talvez eu compre em um futuro próximo.

    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir
  9. Oi Sil,
    Talvez eu esperasse me emocionar e pelo que entendi, eu não vou conseguir.
    Realmente, a edição é um ponto positivo. Mas não suficiente, infelizmente, vou deixar passar a dica de hoje. Eu gosto é de sofrer, rs.
    beijos
    https://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Que livro mais amor! Gosto de livros mais dramáticos, daqueles que emocionam a gente então acho que esse não seria minha escolha.. ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  11. adorei a dica

    http://www.nossomosmoda.com/2017/02/colecao-gang-volta-as-aulas-remix.html

    ResponderExcluir
  12. Oi Sil, tudo bem?
    Ando um pouco traumatizada com livros sobre doenças.
    Mas que pena que esse acabou decepcionando. Realmente, levar metade de um livro curto só pro George descobrir a doença parece um pouco de desperdício. :(
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  13. Ainda não li, mas achei super interessante!
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  14. Oi Sil! Eu nunca tinha visto nada sobre o livro até a NC anunciar o lançamento, vou ler sem muitas expectativas e espero curtir a história. Pela sua resenha deu para ter uma ideia do que vou encontrar.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  15. Olá, eu to com esse livro aqui para ler, e ainda bem q li sua resenha antes, pois acho que o maior problema do livro é que a sinopse nos induz a achar que é uma coisa sendo outra. Agora vou ler com outra perspectiva. Obrigada!
    Bjs
    Amanda Nery
    www.leituraentreamigas.com.br

    ResponderExcluir

© Blog Prefácio ♥ 2016 - Todos os direitos reservados ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo