13 janeiro 2020

Resenha | Onde Cantam os Pássaros - Evie Wyld


Livro: Onde Cantam os Pássaros
Série: Não
Gênero: Suspense
Autora: Evie Wyld
Editora: DarkSide Books
Páginas: 256
Ano: 2015
Sinopse: 
Jake Whyte vive sozinha em uma velha fazenda, em alguma ilha britânica anônima, um lugar de chuvas incessantes e ventos violentos. Apenas ela, seu companheiro indomado, Cão, e um rebanho de ovelhas. Mas algo tem vindo atrás de seus animais – de tempos em tempos algo surge durante a noite, arrebata uma ovelha e a faz em pedaços.
Poderia ser qualquer coisa. Há raposas na mata, um rapaz estranho e um homem esquisito, rumores sobre uma fera obscura e formidável. E há o passado desconhecido de Jake, talvez invadindo o seu presente, uma história escondida há anos e há milhares de quilômetros, em uma paisagem de cores e sons diferentes. Uma história contada nas cicatrizes que cobrem suas costas.

Resenha:
Eu tenho esse livro na estante desde que lançou em 2015. Comprei pela capa confesso. Mas dai fui lendo as resenhas e todas eram negativas, por isso deixei ele parado na estante até agora. Esse ano fui desafiada pelas meninas do Queria Estar Lendo a participar do #DesafioMulheresdaLiteratura e no mês de janeiro o desafio é ler um livro de uma autora nascida em um país que quero visitar. Como tenho muita vontade de conhecer a Inglaterra meu primeiro pensamento foi Agatha Christie, mas dai não seria um desafio porque ela é minha autora favorita. Então resolvi escolher outro da minha estante e acabei chegando nesse.


Uma das dificuldades da maioria do povo que leu, foi que a autora conta a história de uma maneira diferente do que estamos acostumados. Temos aqui a história no presente nos capítulos ímpares intercalada com a do passado nos capítulos pares, mas a do passado começa no ultimo capitulo e vem até o segundo. Acho que isso confundiu muita gente e fez com que a nota dele fosse mais negativa do que positiva. Mas eu peguei a dica no blog O Que Tem Na Nossa Estante e comecei a ler pelo capitulo 32, 30, 28 até o 2 e então fui para o 1, 3, 5 e assim por diante. Será que funcionou?

Como comecei pelo final, ou pelo começo?, logo de cara já fiquei sabendo o que a Jake, a nossa protagonista, tinha aprontado quando criança. Não vou dizer o que aconteceu porque é spoiler, mas foi algo que a fez fugir da sua casa e da cidade. Dai para frente ela só foi colecionando inimigos, o que torna mais difícil descobrir quem é o responsável pelo grande mistério da história: as ovelhas de Jake estão aparecendo mortas. Jake mora sozinha em uma fazenda de ovelhas, sua única companhia é seu cachorro Cão. Mas de uns tempos para cá ela começou a perceber a presença de algo ou alguém espreitando o lugar.

"Eu só consigo lidar com isso porque não há nada aqui, ainda, que me conecte com aquele tempo, com aquelas pessoas, a não ser as marcas em minhas costas, que já estão cicatrizadas o suficiente para parecerem fazer parte de um passado diferente."

Finalizada a leitura concluo que esse livro é para quem gostou do livro Caixa de Pássaros, o que não foi o meu caso. Odeio, odeio e odeio, só para deixar claro, final aberto onde o leitor tem que deduzir um final a sua escolha. Custa pelo menos dar a entender o que aconteceu? Mas não. Terminei o capítulo 31 e cadê as respostas? Porque no capítulo 32 que é o ultimo temos uma cena do passado. Por isso fui a caça de spoilers e acabei achando uma conclusão de uma leitora que acabei concordando com ela sobre o que realmente aconteceu. Mas para meu gosto pessoal a forma como a autora escolheu terminar o livro não me agradou.

Mas se você gostou de Caixa de Pássaros acho que você vai amar porque os dois tem o mesmo estilo de história, e não estou falando somente do final não, mas também de todo aquele suspense psicológico no decorrer da leitura. A Jake é um personagem bem complexo e eu como comecei do final e logo de cara já soube o que ela tinha feito, não consegui simpatizar muito com ela. Mas conforme fui lendo percebi que ela pagou e muito caro pelo o que ela fez. As vezes não é somente em uma cadeia que a pessoa vai pagar pelos seus crimes. A Lei da Semeadura caiu muito bem nessa história.


E não concordei com as resenhas que li sobre o livro ser monótono. Pelo contrário achei o ritmo da história ótimo para o que a autora propôs escrever. E nem achei ele confuso. Só me decepcionei mesmo com o final. Mas como disse, isso é algo pessoal e não posso deixar de indicar ele para vocês. Quanto a edição está maravilhosa como em todos os livros da DarkSide. As cores, os elementos na capa, a contra guarda, tudo está impecável. Minha nota só não foi maior devido ao final mesmo, que como já frisei mil vezes, odeio final aberto e sem respostas hehe.

Nota:










16 comentários:

  1. Acho que a pior coisa que pode acontecer em uma leitura é o fim decepcionar. Uma pena ter acontecido isso com esse livro.

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  2. Ola
    A capa e realmente muito bonita pena o final ter te decepcionado
    Tambem náo gosto de livros com finais abertos
    Esse negocio de ter que ficar deduzindo o que aconteceu com os personagens e chato para mim

    ResponderExcluir
  3. Oi, Sil tudo bem? Que pena que o final tenha lhe desagradado, embora seja um bom livro de ser lido. Abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Olá...
    Sempre me esbarro com esse livro por aí, porém, ainda não tinha lido nenhuma resenha sobre ele... Essa narrativa parece ser bastante confusa e, me conhecendo bem, acho que iria fazer a maior confusão com esses capítulos hehehe...
    Achei a premissa da obra interessante, porém, não é um livro que leria no momento :(
    Bjão

    http://coisasdediane.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Adorei a resenha. Achei confuso o método de leitura, mas acho que quando está lendo fica mais fácil. Ainda não conhecia esse livro e fiquei querendo ler para tirar minhas conclusões.
    A capa é linda, amo essa ideia de colagem
    Beijos
    http://www.dearlytay.com.br/

    ResponderExcluir
  6. A capa é bem bonita, ein! Hahaha
    Finais abertos são 'uó', mas ao mesmo liberta a criatividade. Pena que o final não foi do jeito que esperava!


    Bjx,
    aguardo você!
    www.priscilafrr.com l Instagram l Facebook l Pinterest

    ResponderExcluir
  7. Oi, Sil! Tudo bom?
    Eu sou muito fã de finais abertos contanto que eles sejam bem desenvolvidos durante a história. Se fizer sentido e deixar aquele "e ai?" eu adooooooro. E como tu disse que funciona pra quem gostou de Caixa de Pássaros, vou manter na wishlist porque eu particularmente adorei UHASUHUHASUHAS
    Uma pena tu não ter curtido tanto ç_ç

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi Sil, tudo bem? Eu ainda não li, mas confesso que também não suporto finais abertos! E às vezes o pessoal está mais acostumados com livros cheios de ação por isso acham monótomos. E que edição linda da Darkside!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  9. tinha que ser da Darkside uma edição tão linda dessas! pena que vc nao curtiu tanto mas dependendo da história eu até curto finais abertos, fiquei msm mt curiosa com esse livro!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  10. Oi Sil! Salvo alguns casos, eu não curto finais abertos. Dá uma sensação de ter nadado muito e morrido na praia, como diz o ditado. Este livro eu passo. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  11. Os livros da Darkside sempre tem um quê de complexidade nos personagens e alguns são bem profundos, sempre espero me surpreender com os livros deles hahaha
    Esse livro de início parece interessante mas achei bem complicado a forma como ele foi estruturado, acredito que teria de ler duas vezes hahaha mas pela sua resenha, finais em aberto também não me agradam!
    Beijo

    http://primaveraagridoce.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Ahhhh você deveria ter conta do sobre a parte que te chateou. Malvada kkkk

    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Oi Sil,
    Essa coisa do livro não ser linear, não me incomodaria, mas ter uma ordem de capítulos para ler, sim. Confesso para você que amo as edições da Darkside, só que para uma obra deles realmente me envolver, é difícil.
    Essa por exemplo, vou passar longe, porque sei que não vou conseguir gostar.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Oi Sil,
    Os livros da Darkside são lindíssimos, mas até agora não me interessei 100% por nenhum deles. Compraria apenas pela edição mesmo, o que não seria muito bom rs. Eu também odeio finais abertos, não gosto quando o leitor tem que deduzir o que aconteceu. Gosto de explicações.
    ótima resenha!
    https://blog-apaixonadaporpalavras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  15. Oi Sil, que trabalho foi ler o livro com esses capítulos assim heimm, nem imagino! Eu não leria, na verdade nunca li nada da editora, tenho vontade, mas ainda não tive oportunidade de comprar nenhum.
    Achei a capa linda tb e o trabalho da editora Darkside é incomparável mesmo!!

    Beijos Mila

    Daily of Books Mila

    ResponderExcluir
  16. Shut up and kiss me. Hey, i am looking for an online sex partner ;) Click on my boobs if you are interested (. )( .)

    ResponderExcluir

© Blog Prefácio ♥ 2016 - Todos os direitos reservados ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo