04 outubro 2013

Resenha | A Esperança - Suzanne Collins

Contem spoiler dos livros anteriores

Katniss entra na arena, pela segunda vez, decidida a salvar Peeta. Antes de entrar, ela combina isso com Haymitch, mas ela é enganada, não apenas pelo seu mentor, mas por vários jogadores que entraram na arena junto com ela. O objetivo deles era salvar a vida de Katniss, mesmo que para isso eles tivessem que dar a sua própria vida em troca. Katniss é o tordo, o simbolo da rebelião. E quando Katniss destrói o campo de força da arena, os rebeldes conseguem resgata-la, mas não conseguem pegar Peeta, que é levado pela Capital. Quando Katniss acorda, descobre que Gale conseguiu salvar sua mãe e sua irma, antes que o distrito 12 fosse dizimado.

Um mês depois de ser retirada da arena, Katniss ainda está em recuperação. Ela tem pesadelos e não se conforma de ter sido traída. Ela ainda não sabe se Peeta está vivo ou não e está sendo pressionada pela presidenta do distrito 13, para que ela aceite ser o tordo e junte o povo contra a Capital. Eles estão a salvos no distrito 13, que pelo contrário do que dizia a Capital, não foi extinto e sim, eles vivem no subterrâneo e depois de muito planejar, estão prontos para atacar. Mas para isso precisam da ajuda de Katniss pois foi através dela que o povo acordou para a situação. Mesmo sabendo que o distrito 12 não existe mais, Katniss insiste em ir até lá e ver com seus próprios olhos. Ao chegar no distrito, ela só encontra cinzas e ossos e fica cada vez pior em saber que isso tudo foi culpa dela. Mas em meio a essa tristeza ela tem uma noticia boa. Peeta está vivo e aparece dando uma entrevista na tv. Mas depois da entrevista, ele é considerado um traidor, pois ele diz em rede nacional para que o povo pare com a guerra. Katniss não sabe a razão de Peeta ter falado isso, mas ela não acredita que ele seja um traidor e por isso, como uma das condições para aceitar ser o tordo, ela exige que Peeta seja perdoado.

A primeira ação de Katniss como o tordo, vai ser aparecer em um pontoprop na tv, mostrando que está viva e encorajando o povo para que continuem lutando. Eles vão interceptar o sinal da capital durante as transmissões obrigatórias. Mas quando Katniss fica em frente as câmeras, eles percebem que sem o charme de Peeta para ajudar, ela não conseguirá falar nada que fique bom. Haymitch lembra que Katniss conquistou o publico com suas atitudes espontâneas e não com algo programado e decidem filmar Katniss nos distritos, no meio da guerra. E é numa dessas saídas, que Katniss vê o horror com que a capital está tratando as pessoas e decide lutar com todas as suas forças para vencer essa guerra.

Mas logo após o programa com Katniss ir ao ar, por acaso ela consegue assistir uma transmissão com Peeta sendo entrevistado e percebe que tudo o que ela está fazendo contra eles, está sendo descontado em Peeta. E como todo mundo acha que Katniss não viu a transmissão, ninguém comenta nada com ela, nem mesmo Gale. Mais uma vez Katniss está sendo enganada e usada. O que parece é que a presidente Coin, não é muito diferente do presidente Snow. Será que eles escaparam das mãos de um governo opressor, para acabar sob outro?

Peeta: "Fico pensando como será que ela vai decidir
Gale: " Ah, Isso eu sei. Katniss vai escolher aquele sem o qual ela acha impossível conseguir sobreviver."

Eu já sabia que ia ser muito difícil a autora continuar no mesmo nível de Em Chamas, que foi espetacular na minha opinião. Mas ela conseguiu fechar muito bem a trilogia. O final foi surpreendente. Eu jamais iria imaginar o que aconteceu. Não gostei de varias coisas que a autora fez, mas a maioria das coisas que aconteceu, estava a altura do cenário e da situação criados por ela. Achei a Katniss um pouco frágil nesse livro. Depois de tudo o que ela passou nas duas arenas, é difícil imaginar ela se deixando abater por qualquer coisa. Quanto ao Gale, consegui gostar um pouquinho mais dele nesse livro, mas ainda assim não é um dos meus favoritos.

Tenho que falar sobre Katniss, uma das minhas personagens favoritas de todos os tempos. Li em vários blogs as pessoas comentando sobre os sentimentos dela. Que ela não merecia nenhum dos dois, que ela não tinha sentimentos. Eu não concordo. Não podemos ver a situação somente pelo o que está acontecendo agora. A Katniss tem toda uma história que levou ela a ser assim. Ela perdeu o pai muito cedo e teve que "criar" a sua irmã e sua mãe. Para ela é muito difícil mostrar algum tipo de sentimento, que quando o que importa é sobreviver. Então não acho que ela foi uma pessoa insensível, tanto que quando ela teve a oportunidade de mostrar isso ela mostrou, como no caso de Rue. Sei que muita gente não vai concordar comigo, mas essa é a minha opinião.

Contem spoiler dos momentos finais do livro.
Se você ainda não leu A esperança, pule esse paragrafo.

Se a autora estivesse na minha frente agora eu matava. O mulher sem coração. Tinha necessidade de acabar com a vida dos meus personagens mais queridos? Qual foi o significado da morte de Finnick para o rumo da história, mudaria alguma coisa se ele vivesse? E porque matar a Prim, que foi o motivo dessa história toda ter começado? E o Peeta? Não matou, mas deixou o coitado num estado de dar dó. Sem falar que ela arranjou um jeito de Katniss não precisar escolher entre Peeta e Gale. Não costumo fazer isso nas resenhas, mas a indignação era enorme e eu tinha que falar. 

Nota: .

Serie Jogos Vorazes:
1- Jogos Vorazes
2- Em Chamas
3- A Esperança


19 comentários:

  1. Aii Jogos vorazes é a minha paixãoo... foi uma das séries que li esse ano que mais gostei
    agora não vejo a hora de ver o filme que vai lançar nos cinemass
    bjus
    Isis - minhaestantecolorida.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Descreveu tudo Sil kk, que final foi esse fiquei tipo, hã? E a morte do F... que não deu nem 'para pisca o olho' e aquela outra da p.... a autora mais perversa que li até hoje kk. Ótima resenha.


    Abraços,
    muchachoonline.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oie :)

    Nossa concordo, acho que a autora viajou um pouco no momento em que decidiu matar todos os personagens, acho que ela quis dar uma de J.K hahaha, beijos !!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Sil!

    Quando vi resenha de A Esperança por aqui tinha que conferir. Coincidência nós duas publicando essa resenha na mesma semana. Concordo com você quanto a Katniss, eu também não a acho insensível e compreendo seus motivos. Eu adorei esse final, ainda prefiro Em Chamas. Como você também não gostei de algumas coisas, mas afinal de contas nós também perdemos pessoas e temos que seguir. Foi assim que compreendi todas essas perdas pelo menos.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu amo, a trilogia é perfeita demais.


    www.iasmincruz.com

    ResponderExcluir
  6. Precisa matar os personagens favoritos? Dá uma frustração danada né?
    Tem sorteio no nosso Blog.
    Beijos U&B
    www.unhasebocas.blogspot.com.br
    www.facebook.com/pages/Unhasbocas

    ResponderExcluir
  7. Concordo contigo e acho "Em Chamas" o melhor livro da trilogia. Eu gostei do final, achei algumas mortes bem bobas e desnecessárias, apenas para chocar o leitor. No mais, esses pontos poderiam ser alterados nos filmes, né? Ganharia em qualidade.

    Ótima resenha.

    legadodaspalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Sil! Parei logo no aviso de que contém spoiler dos livros anteriores. Não li nenhum da série ainda =/
    Mas vou resolver isso em breve..hehehe

    bjs!
    Carla
    http://linhas--soltas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Sil!

    Olha, eu achei o livro fantástico. Particularmente, um dos melhores finais de séries que já li (OK, A SERIE TODA É F*DA!), justamente pela proposta dele. Dar um fim na irmã da Katniss era necessário pra deixar ela naquele estado de torpor, "sem ninguém pra amparar ela" que foi o final do livro. Achei bem significativo. Sim, deu vontade de matar a autora, mas era um mal necessário. E bem sabemos que em muitos livros o motivo de uma guerra iniciar pode morrer, mesmo que acabe se tornando uma ideia. :)

    Beijo grande :)

    ResponderExcluir
  11. Estou louca para ler toda essa série
    Falam super bem

    Já estou seguindo ;)
    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  13. Eu amo/sou todos os livros de Jogos Vorazes (mas "Em Chamas" é meu favorito), e meio que te entendo em relação as frustrações. Imagina como fiquei quando vi que F morreu. Demorei, passei umas duas páginas, aí me perguntei "cadê?" e quando voltei, percebi. Não deu tempo nem pra receber o choque direito. O mesmo com P, só o que dela foi mais chocante e aí mesmo não gostando dela, acaba que senti pela Katniss.
    Gostei muito da resenha, consegui me identificar bem (e olha que faz um tempão que li, e isso me fez relembrar a frustração que senti).

    Beijos,
    Vitória R.
    Adeus Realidade

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comigo aconteceu a mesma coisa, precisei voltar uma paginas para entender o que tinha acontecido.

      Excluir
  14. Oie Sil =)

    Eu gostei muito de Em Chamas, muito mais do que Jogos Vorazes. Estou bastante curiosa para ler A Esperança, mas confesso que acabei de levar o balde de agua fria. Como assim o Finnick? O que ela fez com o Peeta??? Por que sempre os meus personagens favoritos, por que t.t

    Beijos e uma ótima semana!
    ;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
  15. Oie Sil
    eu morri de raiva com esse livro, justamente pelos motivos que você cita no último paragrafo!!
    Que raiva do estado do Peeta! Mas eu adorei a trilogia, e apesar de ser o livro mais fraco, não estraga me amor pela trilogia.
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  16. AHAUAHA Apesar de ter ficado curioso pra ler a resenha minuciosamente, dei uma lida bem rápida nos parágrafos para não ficar sabendo dos babados do último livro da trilogia.
    \O A capa desse livro é linda... :D Acho que a mais bonita dos três. Beijo

    ResponderExcluir
  17. Poxa vida, foi exatamente isso que pensei matar ela. kkkkkkkkk

    A história perdeu todo o sentido com estas mortes e também não gostei de ela ter ficado com o Peeta. kkkkkk
    Amei todo o restante, mas o final, muitooooooooooo ruim.

    Beijos
    http://fernandabizerra.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi adorei.. muito obrigado, me fez se interessar pelo livro....mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda ela traz o universo de fundo..abraços. www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?

    ResponderExcluir

© Blog Prefácio ♥ 2016 - Todos os direitos reservados ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo