20 janeiro 2021

Minha Opinião | Dezembro/2020

Em dezembro eu tive uma ressaca literária e não conseguia ler nada por isso fui de contos mesmo, coisa que não sou muito fã. E como não resenhei nenhum, vou dar uma breve opinião sobre eles aqui. E tem alguns livros que li também e não vai ter resenha.

As 220 Mortes de Laura Lins
Sinopse: Skoob
Nota: 3/5
Eu peguei a dica desse conto no blog Imersão Literária. Achei a premissa do livro bem legal, mesmo não sendo original. Eu gosto de histórias que ficam repetindo o mesmo dia e a pessoa tem que entender o porque disso estar acontecendo. Nesse conto o protagonista vai tentar impedir a morte da amiga, mas não importa o que ele faça ela continua morrendo e ele voltando para o mesmo dia. Achei a escrita do autor bem fluida e li o conto em poucos minutos por isso recomendo a leitura. Mesmo o final não sendo surpreendente, eu já imaginava algo do tipo, a leitura vale a pena.
A Troca
Sinopse: Skoob
Nota: 2/5
Esse eu já quis ler desde que vi nos lançamentos porque já tinha lido dois livros da autora e gostei muito. Mas antes mesmo de começar a ler eu vi alguns comentários bem negativos dele feitos pela Tamires e pela Luiza dos blogs Meu Epílogo e Balaio de Babados respectivamente, mas ainda assim resolvi me aventurar. E nem sei o que dizer sobre esse livro. A autora usou uma ideia que poderia ter sido uma revolução nos romances de época, e romances em geral, mas levou tudo para o lado errado da coisa e acabou deixando os leitores inconformados e estou aqui pensando se foi ela mesmo que escreveu essa história. Porque não é possível que alguém que escreva uma história como Uma Proposta Indecente acabar publicando um livro como A Troca. Dei duas estrelas pela ideia, mas infelizmente a evolução e o desenvolvimento deixou muito a desejar.

Medos Infantis
Sinopse: Skook
Nota: 3/5
Esse eu peguei a dica no blog Leia Pop. Sou meio medrosa para livros de terror mas resolvi ler esse livro que contêm três contos. Meu favorito foi o primeiro, mesmo não sendo muito surpreendente. Aliás nenhum deles foi muito original. Quem lê muitas histórias do gênero é sempre mais dificil ser surpreendido. Mas ainda assim é um livro que gostei e que indico para quem curte o gênero. E quem não gosta muito de ler coisas de terror não tem problema porque esse achei mais de suspense do que de dar medo. Ou é porque já vi antes como disse hehe.

Redenção Sombria
Sinopse: Skoob
Nota: 4/5
E chegamos ao quarto livro da série Hades Hangmen e nesse livro temos a história de um dos vilões dos três primeiros livros. Como odiei as coisas que ele fez nos outros livros, queria que ele sofresse muito nesse. Mas confesso que fiquei com pena dele em alguns momentos. Até porque ele estava visivelmente arrependido e acredito em segundas chances. Não chegou a ser ótimo como os outros livros da série, mas gostei muito e principalmente da protagonista feminina que falou umas verdades para as protagonistas dos outros livros, suas irmãs. E claro que já viciei nessa série e aguardo ansiosa os próximos livros.

Um Toque de Natal 
Sinopse: Skoob
Nota: 3/5
Eu peguei a dica desse livro no blog Estante Biográfica. Como amo histórias de romances que acontecem no Natal, resolvi me aventurar. O livro não é um livro, nem um conto, está mais para uma novela e faz parte de uma série Damas Douradas, onde doze autoras se reuniram para criar romances gostosos natalinos. Nesse temos uma protagonista feminina que ama o Natal e um protagonista masculino que odeia. Então já imaginem o que vai acontecer. É um clichê sim, mas quem não ama um bom clichê romântico, ainda mais com esse clima natalino que eu particularmente adoro? 

Perfeito para o Papel
Sinopse: Skoob
Nota: 3/5
Esse livro eu peguei a dica no blog Capitulo Treze. O livro é aquele clichê que vocês sabem que sempre leio depois de um livro mais forte para dar aquela balanceada nas leituras e não entrar em ressaca literária. E gostei bastante da história. Mas acabei dando uma nota na média por causa de algumas coisas que me incomodaram durante a leitura. Achei algumas partes do livro confusas e a impressão que deu foi de erro de continuidade. Tanto que precisava parar e me situar várias vezes durante a leitura. E com um livro desse tamanho não dá para perder o ritmo, se não acaba se tornando uma leitura maçante. Mas ainda assim é uma leitura que indico para quem gosta desse estilo de livro.

Por Favor / Dona de Mim
Sinopse: Skoob
Nota: 2/5
Esse eu peguei a dica no blog Estante da Ale. Na verdade são dois livros em um, o físico é vira-vira e cada um vai contar a história de uma integrante de uma banda feminina. Mas poderia ser uma novela de tão curtos que são. Eu tinha dado nota 3, mas acabei mudando de ideia depois de pensar um pouco. A autora abordou assuntos sérios nos dois livros, relacionamento abusivo e violência doméstica no primeiro e síndrome do pânico no segundo. E infelizmente ela preferiu focar no desentendimento das garotas da banda e nos romance das garotas do que nos problemas citados. Os livros são curtos demais para mostrar a dimensão dos problemas e ela até que foi bem no começo, mas deixou a desejar na finalização. Além de deixar os assuntos em aberto, ficou aquela leve impressão de que os problemas se resolveram quando elas arrumaram um namorado, como se encontrar um cara gentil e romântico curasse trauma de alguém. Poucas páginas para muito assunto. É uma pena.

Não foi amor à primeira vista
Sinopse: Skoob
Nota: 5/5 
Esse livro foi meu primeiro contato com os livros da autora, mesmo tendo muita curiosidade para ler algo dela já que sempre vejo elogios à sua escrita. E me surpreendi ao encontrar um livro erótico bem diferente do que estou acostumada a ler. Não é que dá para ter qualidade nos nacionais eróticos da Amazon? Mas mesmo gostando muito do livro e ficando grudada nele porque a escrita da autora é viciante, achei o livro muito grande e achei que ela enrolou muito em algumas coisas. A protagonista descobrir que o dito cujo não era gay por exemplo, foi metade do livro (360 páginas e não é spoiler), o que é meio absurdo já que ele só faltaram transar com penetração e isso nunca aconteceria se ele fosse gay, bi pelo menos. Mas como um todo achei a história bem empolgante e vou ler outros livros da autora com certeza.

A Magia do Natal na Loja de Brinquedos
Sinopse: Skoob
Nota: 5/5
Esse conto para quem não sabe foi escrito pela Laura do blog Estante Biográfica. Eu já acompanho ela faz algum tempo e quando fiquei sabendo desse conto já corri colocar ele no meu no KU. E amei o que encontrei. Quem acompanha o blog sabe que não gosto muito de ler contos porque como são poucas páginas sempre fico querendo saber mais da história e dos personagens. Mas a Laura foi muito feliz em seu conto natalino, deu para desenvolver bem o enredo e ainda teve até um epílogo para não deixar o leitor querendo saber o que aconteceu com os personagens. Por isso super indico. Mesmo já tendo passado o Natal, é uma história que dá para ser aproveitada em qualquer época.




18 comentários:

  1. Ahhhhh fico feliz que tenha gostado da indicação, apesar da ressaca literária, dezembro rendeu bastante leitura. Amei a lista e fiquei interessada no conto da Laura ♥

    Beijos
    http://www.leiapop.com/

    ResponderExcluir
  2. " já que ele só faltaram transar com penetração e isso nunca aconteceria se ele fosse gay, bi pelo menos"

    Gays transam com penetração com mulheres e fazem até filhos nelas. Vocês precisam sair um pouco da zona de conforto sobre este tema. Tem mulher que nunca descobre que o marido é gay, mesmo os filhos crescendo, casando.... Mas eu entendi sua conjectura. A trama é enrolada e não evolui como deveria. Algumas autores fazem isso de propósito na Amazon, já que ganham por página lida. Não deveriam. Mas fazem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu conheço muito gay que se finge de hétero a vida inteira, mas aqui o caso é o contrário. Ele fingia ser gay, então era um gay agindo como hétero, coisa que eu pelo menos não conheço nenhum que faça isso. Se acontece eu estou desinformada mesmo hehe.

      Excluir
    2. Era um hétero fingindo ser gay? É isso? Era hétero, mas ele fingia ser gay? Eu não tinha entendido...

      Excluir
    3. Isso. A protagonista ouve uma conversa entre os irmãos e confunde quem é o gay. Dai ele começa a fingir que é gay e só a tonta não percebe porque ele age o tempo inteiro como hétero. Até se ele fisse bi dava pra entender as atitudes dele, mas ele fingia ser gay, não bi.

      Excluir
  3. Oie,
    Da sua lista só li o primeiro e também achei super divertido, apesar de nada muito espetacular mesmo haha ainda bem que você conseguiu aproveitar e tirar algumas ótimas leituras! Fiquei curiosa com o livro da Kel Costa.

    Beijos, Fantasma Literário

    ResponderExcluir
  4. A pessoa passa por uma ressaca e mesmo assim consegue ler quase dez histórias diferentes no mês, eu não leio isso nem quando não estou com ressaca literária, hahaha.
    Coloquei as 220 Mortes de Laura Lins na minha lista, também não sou fã de contos, mas gostei da sinopse. Também achei legal Medos Infantis, mas pra mim sem dúvida também não será uma grande surpresa, pois meu gênero favorito é suspenses.
    E sempre ouço falar muito bem dessa série da Tillie Cole, a Alessandra, do blog Estante da Ale é quem sempre me deixa curiosa com a série.
    E sobre Por Favor/Dona de Mim, também ando sentindo falta de uns livros com assuntos dignos de reflexão em que os autores realmente coloquem isso em pauta.
    Enfim, acho que no geral dá pra dizer que você teve boas leituras né?!
    Beijo, Blog Apenas Leite e Pimenta ♥

    ResponderExcluir
  5. Baita lista! Não li nenhum, mas anotei vários para ler!! Gostei mto!

    Beeijos!

    http://estanteflordelis.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Olá...
    Adorei o post!
    Também não leio contos com muita frequência, mas, eles são realmente bons pra ressaca literária.
    Tenho muita curiosidade em ler algo da Kel Costa, pois sempre me recomendam essa autora.
    Beijos

    http://coisasdediane.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oi Sil, tudo bem?
    Já tava triste por você quando vi que o início da lista tava meio fraco hahaha! Que bom que as últimas leituras salvaram. Tenho vontade de ler esse da loja de brinquedos porque já vi várias resenhas positivas. Parece ser bem fofo!
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  8. Oi Sil,

    Eu estava bem curiosa em ler A Troca, mas até agora só vi criticas e por isso acabei deixando de lado.
    Um toque de natal parece ser tão fofinho, essa capa também é muito lindinha.

    Bjs
    https://diariodoslivrosblog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Amei os livros. Eu li As 220 mortes de Laura Lins e amei muito, eu ficava agoniada cada vez que o plano dava certo e gostei do final. O livro da Laura é muito amorzinho, eu amei a escrita dela.
    Os outros da lista eu ainda não li :(
    beijos
    https://www.dearlytay.com.br/

    ResponderExcluir
  10. A magia do natal na loja de brinquedos é um que quero muito ler. Sem contar que adoro a época e adoro o tema de loja de brinquedos e o quanto podem despertar a criatividade e fantasia :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi, Sil!
    Quero muito ler as 220 Mortes de Laura Lins, achei a premissa super diferentona e acho que é uma leitura bem fora da minha zona de conforto.
    Obrigada pelo feedback sobre a sua leitura do meu conto! Fiquei muito feliz em saber que gostou ♥ deu até saudades do Natal agora haha

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  12. Oi Sil!
    Não curto contos também. Dos poucos que li eram do King ou outros que estavam muito em alto e chamaram minha atenção. Mas de resto é muito difícil que eu leia.
    Beijos

    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  13. Oi, Sil. Como vai? O mês de Dezembro não foi bom para você no quesito leituras, não é mesmo! Ainda bem que no meio de leituras não tão agradáveis teve contos excelentes não é?. Abraço!

    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Oi Sil,
    Impossível não passar um pano pro Rider, né? rs Em algum momento, nosso coração balança e o meu foi no discurso da Harmony. Foi por ela que eu o perdoei. Ai Ai Ai, Redenção Sombrio é um tiro no meu coração...
    Sobre 'Por Favor/Dona de Mim', eu acho que de certa forma 'passamos da idade', sabe? Eu gosto bastante da abordagem da Carol Dias, porque acho que ela é uma porta de entrada para os mais jovens iniciarem na leitura. Mas sim, é muito curto, rs.
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir

© Blog Prefácio ♥ 2016 - Todos os direitos reservados ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo