16 maio 2020

Resenha | Seduzida Até Domingo - Catherine Bybee


Livro: Seduzida Até Domingo
Série: Noivas da Semana #6
#1 - Casada Até Quarta
#2 - Esposa Até Segunda
#3 - Noiva Até Sexta
#4 - Solteira Até Sábado
#5 -Conquistada até Terça
Gênero: Romance
Autora: Catherine Bybee
Editora: Verus
Páginas: 289
Ano: 2017

Resenha:
Quando Meg Rosenthal se formou na faculdade, ela nem imaginava que iria administrar uma agência de casamentos. Muito menos que estaria circulando entre a nata da sociedade. A única pessoa famosa que Meg conhecia era Michael Wolfe, irmão de sua melhor amiga Judy e ela nem imaginava que ele era gay, só descobriu isso quando começou a trabalhar na Alliance. A agência criada por Samantha Harrison visa juntar casais que por algum motivo ou outro precisam da estabilidade e da segurança de um bom casamento, pessoas que sabem que o amor não faz parte do negócio. No começo foi bem dificil para Meg, já que ela cresceu com poucos recursos e estar entre pessoas ricas e famosas deixavam ela deslocada. Mas aos poucos ela foi mostrando seu valor e hoje ela tem a total confiança da Samantha e toma quase todas as decisões na agencia. 

O último cliente de Meg foi Paul Wentworth, candidato republicano a governador, que procurou a Alliance para aumentar suas chances com os eleitores, que preferem governantes casados, e é através dele que ela fica sabendo do Villa Sapore di Amore, um resort que fica em uma ilha particular. Meg vê no resort a oportunidade tanto de encontrar novos clientes, como de ter uma opção perfeita para os clientes que querem ter ótimas férias com privacidade. Mas Valentino Masini, o dono do lugar não aceita qualquer um, por isso Meg tem a ideia de usar Michael como passe de entrada na ilha. Michael é aceito, mas Meg não, e ela tem que recorrer a Eliza, primeira dama do estado, para conseguir ser aceita como uma hospede no resort. Essa rejeição faz com que Meg chegue na ilha disposta a encontrar alguma falha nos serviços prestados pelo Sr. Masini.

E a ultima coisa que Meg esperava encontrar era um italiano lindo de morrer que deixa suas pernas bambas assim que coloca os olhos nele. Mas romance é a última coisa que Meg está procurando no momento. E Valentino também fica atraído por Meg e acredita que tem uma chance quando descobre que ela e Michael não dormem no mesmo quarto. Mas então a privacidade que Valentino tanto preza ter em sua ilha é ameaçada. Alguém começa a enviar para ele fotos de Meg e Michael tiradas dentro do resort. Valentino decide não falar nada para o casal enquanto tenta descobrir quem está tirando as fotos. Mas Michael, certo de que está seguro dentro do resort, toma uma atitude que pode acabar com seu segredo. E enquanto tentam descobrir o responsável pelas fotos, Meg e Valentino se veem cada vez mais envolvidos um com o outro. 

Esse é o sexto livro da série Noivas da Semana e agora só resta um para eu terminar essa serie que me ganhou pelas capas, já disse aqui que tenho um fraco por capas com vestidos e se for vestidos de noivas então..., mas acabei gostando bastante do conteúdo também, pois em seis livros lidos até agora a autora não se repetiu, em todos eles temos uma história romântica e em cada um a autora traz um toque diferente. Como já disse nas resenhas dos outros livros da série, não são histórias marcantes nem que vai fazer você terminar a leitura e ficar refletindo sobre o que leu. São simplesmente livros escritos para entretenimento. Temos que ler sim livros que façam a diferença, que nos faça pensar, mas também temos que ler pelo simples prazer de ler e esse livro é para isso. 

Mesmo as histórias da série sendo independentes, eu recomendo que os livros sejam lidos na ordem de publicação. A história segue na sequência, mesmo cada livro tendo seus protagonistas, os personagens dos outros livros circulam em todas as histórias. A Meg mesmo já conhecemos no livro anterior e a Gabi que será a protagonista do próximo livro já temos uma parte da sua história nesse. Isso é uma coisa que gosto muito nessa série, sempre estamos matando a saudade dos outros personagens, porque em todas as histórias um ou outro é fundamental para a finalização da história. Nesse sexto livro a autora mesclou o romance com bastante ação. O mistério não é tão misterioso assim já que logo de cara sabemos o culpado. Mas como disse antes é um livro gostoso e rápido de ler.

Só não dei nota máxima porque não consegui gostar inteiramente dos protagonistas. Diferente dos livros anteriores onde os protagonistas me ganhavam logo de cara, a Meg e o Valentino são bons personagens, mas apenas isso. Não consegui engolir que em um momento a Meg era super inteligente e segura de si e em outros era exatamente o contrário. O Valentino também foi apresentado como "O italiano ", mas não me apaixonei por ele. Achei ele possessivo e mandão demais para meu gosto. Mas em contrapartida gostei bastante de que a autora também deu destaque para o Michael, que no livro Solteira até Sábado a história dele ficou em aberto. Quanto a capa eu gostei muito do vestido, mas achei que as cores ficaram muito fortes e o vestido ficou meio que borrado. Mas a capa está tão linda quanto as outras. E para finalizar recomendo para quem gosta do estilo, o livro é ideal para ser lido depois de uma leitura mais pesada.

Nota:











17 comentários:

  1. Oi, Sil! Lembro de ter descoberto a série logo que foi lançada, e de ter ficado louca para lê-la mas acabei esquecendo com o tempo haha
    Eu também fico bem irritada quando as mocinhas mudam de atitude, principalmente se estão na presença de um homem..
    E as capas são realmente lindas <3 Preciso ler todos os livros pra ontem!

    Estante Bibliográfica

    ResponderExcluir
  2. Oi, Sil como vai? Que bom que você gostou da leitura deste livro, apesar de os protagonistas não terem lhe agradado totalmente. A capa é muito bonita e atrativa. Sua resenha ficou ótima. Abraço!

    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Parece que essa história é interessante se o foco se manter na questão de ela encontrar falhas no resort e o que fará então. Se o foco virar para a paixão difícil de ser assumida, daí acredito que eu não gostaria tanto assim. Nada contra um romance e momentos de paixão, mas achei interessante o lance de "ter que ser aceito", daí a rejeitada vai vasculhar algo de errado naquele antro de pérolas do Paraguai.
    O que importa mesmo é que você se divertiu.

    ResponderExcluir
  4. Gostei da série!

    juliamodelodemodelo.blogspot.com
    instagram.com/juliamodelodemodelo

    ResponderExcluir
  5. Oi Sil.
    Eu adorei essa série. Gostei de todos os livros e concordo com você sobre a escrita da autora. São história leves e ótimas para nos distrair. Também amo as capas, foi o que me chamou a atenção logo de cara.
    Bjus

    ResponderExcluir
  6. Oii Sil

    é bacana demais saber que a autora conseguiu não se repetir em nenhum dos seis livros da série, acho que é por isso que na época do lançamento vi muita gente super empolgada com cada estória. Tem todos os ingredientes que gosto e realmente essas capas são um arraso, quase um convite a ler o conteúdo mesmo. Quero ler com certeza esses livros assim que der.

    Beijos, Ivy

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  7. Oi Sil, eu gostei do livro, mas também não é meu favorito. O bom é que essa série me surpreendeu bastante e as capas são lindas mesmo!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  8. Oi, Sil
    Eu também não me interessei muito pelos protagonistas, achei essa obra bem diferente da realidade dos outros livros mas achei eles até que cativantes. Chega me deu uma saudade de ler essas obras da Cath, queria que lançassem mais obras dela.
    Beijo!
    https://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir
  9. O livro carta chave para aqueles filmes de romance que a protagonista não está disposta a entrar em um relacionamento. A Meg me parece ser aquela pessoa autamente suficiente, em tudo, absolutamente tudo que faz. Não conhecia a série, achei bem interessante.
    Forte Abraço.
    www.bloganyduarte.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Oi Sil,
    Eu deveria maratonar essa série na quarentena, hein?
    Estou um pouco ansiosa nessa quarentena (um pouco, ou talvez, bastante! rs) então estou procurando romances gostosos.
    E sobre Corrupt, a sensação de impunidade para mim também foi um problema. Realmente, ninguém pensa em polícia, só em sexo!
    beeeeijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Eu amo essa série, mas concordo sobre Meg e Valentino. O meu casal preferido ainda é o do primeiro livro.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  12. Mais uma sugestão literária que vou levar... Obrigada pela partilha!
    Aproveito para desejar um bom domingo!

    Bjxxx
    Ontem é só Memória | Facebook | Instagram | Youtube

    ResponderExcluir
  13. Oi Sil! Estou com o quaro livro separado para ler esta semana e tenho achado as histórias leves e divertidas, além de gostar muito de certas surpresas que a autora prepara. Tomara que eu goste deste casal. O meu favorito ainda é do Blake e da Sam. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  14. Eu adorei o conceito dessa série desde o lançamento do primeiro livro, mas esqueci de colocar o livro na wishlist e acabou que a série está aí completa e eu não li nem o primeiro. É uma pena os personagens não serem tão cativantes!

    Beijão
    https://deiumjeito.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  15. Acho que ia gostar de ler, nada como um bom romance :)

    ResponderExcluir
  16. Olá,
    A Netflix que tá na onda de se inspirar nas produções da Hallmark, poderia adaptar esta série. Acho que ficaria bem fofa, ainda mais que tenho super queda por romances envolvendo bastidores de casamentos.

    Uma pena sobre os protagonistas não terem tanto carisma quanto os outros, mas super quero ler a série. As capas são lindas mesmo.

    até mais,
    Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir

© Blog Prefácio ♥ 2016 - Todos os direitos reservados ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo